Câmara de Vereadores de Coração de Maria aprova parcelamento da dívida da Prefeitura no valor de R$ 17 milhões.

Na sessão extraordinária realizada na noite desta
segunda-feira (25), a Câmara aprovou projeto de lei de autoria do Executivo
referente ao parcelamento de dívidas da Prefeitura com o Instituto da
Previdência Municipal em 200 meses no valor de aproximadamente R$ 17 milhões.
O projeto foi aprovado pela maioria com voto contrário do
vereador Jucimar de Jesus (PP), e abstenção da vereadora Celestina Carvalho
(PTC).
Votaram a favor os vereadores Jean Figueiredo (PC do B),
Davino Ferreira (PTC), Beto (PC do B), Alan de Kelé (PSD) e Pedro Mario
(PSD).  Os vereadores João Rios (MDB), Ilza
(PRTB) e José Miranda (PPS) não compareceram à sessão e não justificaram a
ausência. O presidente Marivaldo de Izidorio (PPS) não votou.
Com a aprovação do projeto o Executivo possa a ter
autorização para parcelar em 200 prestações a dívida com o Instituto de
Previdência de Coração de Maria (IPCM).
Lembramos que a mesma dívida já havia sido parcelada em 60
meses e o executivo não cumpriu o acordo.

admin