Diego Coronel diz que o Brasil não pode ser colecionador de grandes tragédias ambientais

O deputado Diego Coronel (PSD) comentou, na tarde desta quarta-feira 6, que o Brasil não pode se tornar um colecionador de grandes tragédias ambientais. O parlamentar apresentou à Secretaria Geral Mesa da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Moção de Congratulações ao senador Otto Alencar (PSD), que requereu uma Comissão Parlamentar de Inquérito no Senado Federal, para investigar a tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais.

O senador baiano já dispõe de 31 assinaturas, das 27 exigidas pelo Regimento Interno da Casa, para que a Câmara Alta instaure uma CPI e investigue as causas do rompimento da barragem controlada pela Vale do Rio Doce, ocorrido último dia 25, matando mais de 300 pessoas.
Os bombeiros já encontraram 142 corpos e há outros 194 desaparecidos. Mais de 12 milhões de metros cúbicos de rejeitos de minério de ferro vazaram, deixando um rastro de misérias. Otto Alencar classificou o maior desastre ambiental da história do Brasil de “catástrofe criminosa”.
“O Brasil e os poderes públicos não podem mais assistir passivamente o país colecionar enormes tragédias ambientais, que ceifam a vida de milhares de pessoas, animais, negócios e sonhos – não raro de brasileiros humildes -, sem que as autoridades tomem providências para acabar com esse descalabro”, ressalvou Diego Coronel.
Fonte Informe Baiano 

admin