NO XILINDRÓ: Acusado de homicídio roubo e tráfico é preso após fazer criança refém

Policiais do Serviço de Investigação da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), sob o comando do delegado André Ribeiro prenderam no inicio da tarde de quinta-feira (27/6), na Rua Saquarema, bairro Caseb em Feira de Santana, Darlan da Silva Conceição, 23 anos, morador do conjunto Feira VII.

Ele é acusado de ter praticar vários crimes na cidade como, latrocínios, homicídios, assaltos e tráfico de drogas e também estava com mandado de prisão em aberto.

Investigadores da DRFR descobriram que Darlan estava escondido na residência de uma amiga, localizada na Rua Saquarema no bairro Caseb. No momento em que as equipes da polícia chegaram para efetuar a prisão, Darlan pegou uma criança especial de 02 anos, como refém e disse que não soltaria até chegar à delegacia. Quando chegou na delegacia, o criminoso solicitou a presença da imprensa para soltar a criança.

SAMU
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada para atender a criança de dois anos, que foi levada junto com uma tia para o Hospital Estadual da Criança (HEC) para passar por uma avaliação médica. A criança ficou nervosa com a agressividade do bandido.
Alegação

O acusado alegou para reportagem que fez a criança de refém até a delegacia porque estava com receio de acontecer alguma coisa com ele. “Eu temia que me matasse dai peguei a criança e só soltei aqui na delegacia, mas não iria fazer nenhum mal a criança, principalmente que é meu afilhado”, contou Darlan.

Com Darlan, os policiais apreenderam uma pistola calibre Ponto 40 e um revolver 38. Na delegacia, ele disse que tinha essas armas para se defender de integrante de uma facção criminosa, que segundo o mesmo querem lhe matar.

Investigação
O delegado André Ribeiro, disse que Darlan é autor de vários crimes na cidade como latrocínios e roubos, além de homicídios e outros. Já estávamos a procura dele e durante as investigações descobrimos que o mesmo estava escondido na casa da comadre dele se recuperando de um tiro que teria levado anteriormente. Quando os policiais chegaram, ele abraçou a criança e disse que não soltaria. “Ele já é contumaz na prática de crimes contra o patrimônio e contra a vida. Agora ele foi autuado em flagrante, vai ser encaminhado para a audiência de custodia, será dado cumprimento ao mandado de prisão e possivelmente será encaminhado ao conjunto penal”, finalizou André.

Redação CN