Taxista Feirense é preso acusado de estuprar criança de 10 anos em Ipirá

Policiais do Serviço de Investigação da Delegacia Territorial (DT) de Ipirá, sob o comando do delegado Azevedo com apoio dos investigadores Félix Rilton e Sérgio Pereira, prenderam no início da noite de quarta-feira (17-07-19), por volta das 18 horas, o taxista Silvio de Souza, acusado de estuprar uma criança de 10 anos, no município de Ipirá na manhã de terça-feira (16).

Taxista Feirense é preso acusado de estuprar criança de 10 anos em Ipirá

 

 

 

 

Recomendar Taxista Feirense é preso acusado de estuprar criança de 10 anos em Ipirá Fotos Policia Civil


Policiais do Serviço de Investigação da Delegacia Territorial (DT) de Ipirá, sob o comando do delegado Azevedo com apoio dos investigadores Félix Rilton e Sérgio Pereira, prenderam no início da noite de quarta-feira (17-07-19), por volta das 18 horas, o taxista Silvio de Souza, acusado de estuprar uma criança de 10 anos, no município de Ipirá na manhã de terça-feira (16).

Segundo informações da DT de Ipirá, o delegado Azevedo foi informado por volta das 10h de terça-feira (16), pela avó de uma menor de 10 anos de idade, que a menina teria ido de ônibus escolar para o colégio Góes Calmon situado na Avenida César Cabral no Centro da Cidade, juntamente com sua irmã de 14 anos que estuda em outro colégio próximo. Sendo que, a irmã de 14 anos deixou a irmã de 10 anos em frente ao colégio Góes Calmon e foi para a sua escola.

Ainda de acordo com a DT, um homem desconhecido (Silvio de Souza) passou a pé em frente ao Colégio Góes Calmon e avistou a menor e disse a ela que lhe daria R$ 10,00 para que ela desse um recado para ele e pediu que a menina o acompanhasse.
“A menor acompanhou o indivíduo até seu carro de cor branca e ao chegar junto ao veículo, ele disse que a menor antes de dá o recado deveria entra no carro. Ele colocou a menor no interior do veículo e saiu da cidade entrou no mato e lá abusou sexualmente da criança de várias formas”, contou a avó da criança na delegacia.
O delegado Azevedo disse que após essa denúncia, juntamente com os investigadores Félix Rilton e Sérgio Pereira iniciaram investigações de forma ininterrupta com coleta de imagens de vídeo monitoramento do percurso que a menor descreveu, quando ontem (terça-feira) mesmo descobrimos uma imagem do suspeito andando junto com a menor. A equipe conseguiu imagens do veículo do suspeito que depois de melhoramos foi possível a identificação.

Redação CN