Clodovil foi assassinado, diz cozinheira

A cozinheira Renata Cândido Rodrigues, que trabalhou com Clodovil Hernandes, afirmou, na última segunda-feira (30/09), em entrevista ao Balanço Geral, da Record Rio, que o estilista foi assassinado. Na época da morte, em 16 de março de 2009, o então deputado federal foi encontrado inconsciente e sangrando. O laudo médico apontou que a causa da morte foi um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Renata não acredita na versão e disse que viu um homem no quarto de Clodovil pouco antes de seu corpo ser encontrado. Ela contou ainda que já havia visto o suspeito rondando a casa de Clodovil.

Informe Baiano

Redação CN