“DEUS É MAIS”: Corpo de mulher é encontrado fora de túmulo; polícia suspeita de necrofilia


A Polícia Civil do Rio Grande do Sul está investigando o caso da retirada de um corpo de dentro do túmulo que ocorreu nesta segunda (11/11) no cemitério de Gravataí, Região Metropolitana de Porto Alegre.
Segundo informações, o corpo, de uma mulher de 49 anos, foi encontrado a cerca de 30 metros de onde havia sido enterrado, no último domingo (10/11). Como o corpo estava seminu, a polícia acredita que se trata de um caso de necrofilia (quando o cadáver sofre violência sexual). A vítima havia morrido por conta de uma esclerose sistêmica.
O irmão da mulher foi avisado que a sepulta tinha sido violada por um telefonema anônimo. Ao chegar ao cemitério junto com outros irmãos, ele encontrou o caixão aberto. A empresa terceirizada, responsável pela administração do local, disse desconhecer o paradeiro do cadáver. Os irmãos, então, seguiram os rastros no chão batido, até chegar ao corpo. Familiares acionaram a Polícia Civil logo em seguida.

Redação CN