Dono do restaurante Maria Fulô é sequestrado e morto em Salvador

Um casal de empresários foi vítima de sequestro relâmpago na noite de domingo (08/12) e o homem acabou morto, em Salvador.

Nequias de Albuquerque Viana foi abandonado no Jardim Brasil, na Barra, e acabou atingido por um tiro na boca. Os bandidos fugiram com seu carro. Informações preliminares apontam que Nequias, que era dono do restaurante Maria Fulô da Praia do Corsário, foi confundindo com um policial.

A mulher do trabalhador foi deixada no bairro Comércio e não há informações sobre seu estado de saúde. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

Informe Baiano

Redação CN