TRAGÉDIA: Elevador despenca do 9º andar de prédio e quatro pessoas da mesma família morrem


Um elevador de serviço despencou na noite desta segunda-feira (30/12), do 9º andar de um prédio residencial em Santos, litoral de São Paulo, e quatro pessoas morreram. Ainda não há informações sobre o que fez a estrutura desabar do último andar do edifício, que, segundo a PM, pertence à Marinha.
Todos os ocupantes, três homens e uma mulher, morreram. As vítimas não foram identificadas, mas, de acordo com a PM, são da mesma família –a mulher seria esposa de um subtenente da Marinha. Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Defesa Civil do Santos e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionadas para atender à ocorrência. A perícia também se dirigiu ao local. Os corpos foram retirados já na madrugada de terça-feira (31/12). A empresa que faz a manutenção do elevador – cujo nome ainda não foi divulgado – também esteve no local.
Nota da Marinha
A Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), informa com pesar a ocorrência de acidente com o elevador do Edifício Tiffany, Próprio Nacional Residencial de militares na cidade de Santos, que lamentavelmente vitimou a esposa e mais três familiares de um militar que serve na CPSP.
O Capitão dos Portos de São Paulo e a Tripulação da Capitania transmitem as condolências aos familiares e amigos pela inestimável perda. A Marinha está dando todo o suporte possível às famílias. O respectivo Inquérito Policial Militar será aberto para apurar o ocorrido.
O edifício fica na rua dos Guararapes, uma das vias que dá acesso ao estádio da Vila Belmiro, do Santos. A via foi interditada.

Redação CN