Após suspeita de Coronavírus no Aeroporto de Salvador, passageiros são mantidos dentro de avião por cerca de uma hora


Por volta de 21h40 desta terça-feira (03), um passageiro que aterrissou na capital baiana, em voo de Brasília, teve que ficar no avião por, pelo menos, uma hora.
Segundo o BNews, o homem informou que a “quarentena” na aeronave da LATAM a/ocorreu depois da suspeita de coronavírus em um passageiro francês.
“Ele espirrou a viagem inteira. O avião veio de outro país da Europa antes de chegar em Brasília e ele já estava com a máscara e álcool gel em mãos ofertados pelos funcionários do aeroporto, pois já havia suspeita do coronavírus por causa dos sintomas”, relatou.
“Depois que eles foram levados para realizar alguns exames e alguns minutos depois todos foram liberados, mas até isso acontecer, ninguém falava nada ao certo, só fomos orientados a esperar”, concluiu.
O Aeroporto de Salvador informou, em nota, que o Plano Especial de Contingência foi posto em prática na noite da última terça-feira (3). “Em virtude de um passageiro que apresentou sintomas de virose dentro de uma aeronave que pousou na capital. O Plano Especial de Contingência foi acionado e conforme protocolo a equipe médica do aeroporto foi deslocada para análise clínica do paciente. Uma equipe da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) foi acionada para análise epidemiológica descartando desta forma suspeita por Coronavírus”.
Conforme recomenda o Ministério da Saúde, o passageiro suspeito de Coronavírus foi encaminhado ao Posto de Atendimento Pré-Hospitalar do Terminal de Passageiros para acompanhamento e observação médica.
Da Redação do Acontece na Bahia.

redacao