DECISÃO: Rodoviários de Salvador entram em greve a partir de segunda-feira (7)


Após mais uma nova reunião com empresários terminar sem acordo nesta sexta-feira (4/6), os rodoviários de Salvador decidiram decretar greve a partir da segunda-feira (7/6). O diretor de comunicação do Sindicato dos Rodoviários da Bahia, Daniel Mota, cobrou a participação do prefeito Bruno Reis durante as rodadas de tentativas de conciliação com as empresas do transporte público. Para Mota, a presença do gestor poderia evitar a greve.
“Para a categoria foi um momento final de conciliação no Tribunal e a própria juiza determinou algumas diretrizes. Eu penso que o o prefeito poderia entrar no circuito para gerenciar esse conflito. Já flexibilizamos em vários aspectos para evitar a greve”, afirmou.
A Justiça autorizou os rodoviários a deflagrarem greve, desde que 60% da frota de coletivos saia nos horários de pico (5h às 8h e das 17h às 20h) e 40% nos demais horários, conforme previsto em lei, caso a reunião desta sexta não tivesse acordo. Antes disso, a categoria já tinha ameaçado paralisar as atividades por, contudo, foi impedida judicialmente.

BNews

Redação CN