MONSTRUOSIDADE: Idosa suspeita de “dedurar” crimes morre após ser espancada por traficantes

Uma idosa de 61 anos morreu após ter sido espancada no Bairro da Paz, em Salvador. O crime aconteceu no domingo (27/6), mas Alaíde de Oliveira Pinto chegou a ser socorrida para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde faleceu no início da noite de segunda-feira (28/6).

Após a notícia da morte da idosa, moradores do Bairro da Paz evitam tocar no assunto por medo de represálias. Vizinhos, que pediram para que seus nomes fossem mantidos em sigilo, contaram ao Correio que Alaíde foi vítima de traficantes de uma facção que controla o tráfico da região.

“O que se fala aqui no bairro é que foram os caras do movimento que bateram. Porque mesmo ela tendo já uma certa idade, entregava o povo do movimento”, disse um dos vizinhos.

Outra moradora contou que ninguém teve coragem de postar nem uma mensagem de luto. Ela relatou que também não há notícias dos parentes da idosa.

“Se realmente ela foi assassinada pelo que aconteceu, por entregar o pessoal daqui, ninguém é maluco de expor alguma coisa. O assunto fica somente nos comentários internos”, destacou a mulher.

A Polícia Civil informou ao Correio que o corpo passou por perícia e o caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico), mas ainda não há indicativo de autoria e motivação.  Somente após a necrópsia no Instituto Médico Legal Nina Rodrigues a família terá autorização para fazer o velório.

Mande fotos e vídeos com os acontecimentos de seu bairro ou sua cidade para o nosso WhatsApp (75) 9 8123-9001 ou para nosso email [email protected]
Siga o site Coração Noticias  no Facebook, Twitter e no Instagram.
Fonte: BNews

Redação CN