Médica é sequestrada e estuprada por flanelinha

Uma médica, que não teve sua identidade revelada, foi sequestrada quando saía do plantão em um hospital particular, no bairro São José, em Aracaju, capital de Sergipe. O caso teria acontecido no último sábado (8/1) mas só foi divulgado na tarde de terça-feira (11/1).

A médica relatou que ao sair da unidade hospitalar, ela foi abordada por um flanelinha que a obrigou a entrar no seu próprio veículo, no banco do passageiro. O homem seguiu até um posto de combustíveis, no município de Barra dos Coqueiros, onde, juntamente com a vítima, entrou em uma loja de conveniência, às 20:51, para sacar dinheiro.
Após o saque da quantia, ele ainda teria pedido para que ela lhe pagasse uma cerveja e uma carteira de cigarros. Os dois saíram da loja às 20:57.
Em seguida, a médica foi levada a um local desconhecido e estuprada. De acordo com o portal, a vítima, que está bastante abalada, relatou o caso durante o plantão do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis.

Informações do Fala Genefax

Redação CN