Morre Isabel do Vôlei, ícone do esporte

Ex-atleta olímpica tinha sido indicada para o grupo de transição do Esporte no Governo Lula

Dois dias após a sua nomeação no grupo de transição do esporte no governo Lula, a ex-atleta olímpica Isabela Salgado, a Isabel do Vôlei, faleceu. A ex-atleta tinha 62 anos. A morte foi confirmada pela produtora de cinema Paula Barreto nesta quarta-feira (16).

A causa da morte ainda não foi divulgada. Ela morreu no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Isabel era uma das maiores referências do voleibol brasileiro. Ela disputou duas Olimpíadas (Moscou-1980 e Los Angeles-1984) no vôlei de quadra e depois, no início dos anos 1990, migrou para o vôlei de praia, em que foi uma das pioneiras mundiais da modalidade.

Isabel é marcada por ser uma das pioneiras no vôlei feminino brasileiro, participando das primeiras grandes competições da modalidade na história do Brasil. Foi medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 1979, em San Juan, Porto Rico. Foi, também, a primeira jogadora brasileira de vôlei a atuar numa liga estrangeira, na Itália, em 1980, no Modena, quando viajou para a Europa com sua filha Pilar, recém-nascida. Isabel tinha cinco filhos e cinco netos.

redacao